5 erros que todo corretor imobiliário não deveria cometer

Sabemos que a profissão do corretor imobiliário não é nada fácil. São muitos os desafios diários deste profissional que trabalha para que as pessoas conquistem seus principais objetivos de vida.

Apesar do nosso país ter passado por algumas crises políticas e, principalmente, econômicas nos últimos anos, o corretor imobiliário segue firme em sua árdua jornada.

Porém, alguns profissionais acabam indo para caminhos equivocados dentro deste processo do mercado imobiliário. Neste post, vamos apontar 5 erros que todo corretor imobiliário não deveria cometer.

Além disso, convidamos um profissional com vasta experiência no setor imobiliário para ajudar a entender a importância do corretor de imóveis no mercado imobiliário.

Continue a leitura!

Erros que você não pode cometer ao vender um imóvel

Antes de entrarmos de cabeça nas dicas valiosas sobre erros que o corretor de imóveis não deve cometer em um contexto geral da profissão, nós vamos citar alguns erros que profissionais acabam cometendo mais especificamente durante a venda de um imóvel. Confira!

  • Não responder claramente todas as indagações do cliente: se o cliente chegou até o momento de ter um contato direto com o corretor, é evidente que ele gostou das primeiras impressões que teve do imóvel. Porém, as dúvidas sobre ele ainda não acabaram. Pelo contrário, elas só estão começando. Por isso, é de fundamental importância que o corretor tire todas as dúvidas do prospect, para que ele se sinta à vontade e o considere em uma eventual aquisição do imóvel.
  • Não estar disposto a uma visita completa: um dos momentos mais importantes neste processo de comercialização de um imóvel é o contato com o prospect. Por isso, é essencial realizar um atendimento campeão, que vai desde o primeiro contato até a visita ao tão desejado imóvel. Mesmo que o cliente não goste do local, você saberá que fez seu trabalho da melhor forma.

  • Omitir possíveis falhas do imóvel: apesar de parecer absurdo, é comum ocorrer esse erro nas imobiliárias pelo Brasil. Esconder possíveis falhas do imóvel é uma péssima prática, pois a transparência precisa ser um dos princípios básicos de todo corretor de imóveis. Por isso, mesmo que o imóvel apresente algum tipo de irregularidade, não omita essa informação e seja transparente!

Agora as nossas dicas!

#1: Falta de organização

A organização no trabalho é a base para todos os profissionais. A falta dela com certeza irá impactar negativamente na vida dos corretores imobiliários. Perceba que nos ‘5 erros que todo corretor imobiliário não deveria cometer’, nós vamos apresentar algumas ferramentas que podem ser a solução desses problemas.

Para a falta de organização, uma ferramenta interessante é o Google Keep. Ele ajuda a organizar as tarefas do dia e, além disso, é uma ferramenta que pode ser programada para receber alertas na hora que desejar.

Um exemplo:

Você começou a semana e um prospect ligou na imobiliária interessado em conhecer o apartamento no bairro Vila Mariana que acabou de ser captado pela sua empresa. Depois de encerrar a ligação, você pode anotar no Keep essa tarefa e programar para ser lembrado 1 hora antes do encontro acontecer. Isso vai ajudar a aproveitar melhor o seu precioso tempo.

#2 Pensar apenas offline

Vivemos em um mundo tecnológico e todos nós precisamos aproveitar isso também no trabalho. Não é diferente para os corretores de imóveis. No entanto, muitos deles ainda são ‘analógicos’ e não usam a tecnologia a seu favor.

Um exemplo clássico disso são os corretores que ainda buscam localizar proprietários de imóveis pessoalmente, batendo de porta em porta e perdendo muito tempo para conquistar novos clientes.

Hoje, os tempos são outros e utilizar ferramentas que facilitam a localização de pessoas através de dados, como o endereço completo, vão ajudar os corretores a ganharem mais tempo.

#3 Desconhecer o produto

Não conhecer o produto é uma das principais falhas que o corretor imobiliário pode cometer. Afinal, como o profissional vai comercializar uma casa ou um apartamento sem ter o mínimo de informação sobre o imóvel?

Parece mentira, mas não é: existem profissionais que por algum motivo não buscam informações básicas para fechar um negócio.

Assim, é função do corretor imobiliário conhecer a região do imóvel. Se é um lançamento, por exemplo, é relevante conhecer qual é o perfil do consumidor interessado e quais os detalhes que podem fazer a diferença na hora de efetivar a venda.

#4 Ser apenas mais um profissional

O bom corretor de imóveis sempre busca a excelência no atendimento realizando uma série de ações que o diferencia do mercado. Confira alguns exemplos que definem um profissional de alta performance.

  • Seja um bom ouvinte
  • Crie um ‘roteiro’ de trabalho para o dia, semana ou mês
  • Não fique esperando acontecer, corra atrás!

#5 Não surpreender o cliente

O cliente gosta de ser surpreendido positivamente. Mas para sugerir o imóvel ideal para o seu cliente, o primeiro passo é conhecê-lo bem antes de sair indicando. Até porque você corre o risco de indicar imóveis, seja para locação ou compra, acima do valor que o cliente pode pagar.

Por isso, busque o máximo de informação sobre ele e faça perguntas como o que ele gosta ou o que está procurando naquele momento.

A partir disso, recomende imóveis que estão dentro da ideia que ele está procurando. Seja atencioso. O cliente vai te adorar e, além de confiar em você, ele poderá indicar seu trabalho para os amigos.

Dica de Leitura

Advogado pela USP e sócio-administrador da RE/MAX Xavante, Danilo Herrero é especialista no setor imobiliário e definiu em uma frase como um corretor de imóveis deve pensar e agir no dia-a-dia:

“Pra mim, o corretor precisa ter em mente que ele é uma empresa unipessoal. Como um empresário, a regra é clara: se você não cresce ou não corre atrás, sua empresa está fadada a ser atropelada pela concorrência e a falir”.

Diante deste entendimento da profissão, sabemos que quanto mais informação o corretor de imóveis tiver, melhor será para ele fechar negócios. Pensando nisso, criamos um material que irá auxiliar o corretor a obter informações determinantes sobre a lei do inquilinato.

No começo de 2019, lançamos em parceria com o Danilo Herrero, o e-Book “Lei do Inquilinato: tudo o que o corretor imobiliário precisa saber”. Nesse novo material, a nossa intenção é esclarecer as principais dúvidas sobre a Lei.

Se tiver interesse em saber mais, baixe gratuitamente.

Ebook Lei do Inquilinato

Agora é a sua vez!

Que tal começar a praticar tudo o que citamos no post ‘5 erros que todo corretor imobiliário não deveria cometer’ agora mesmo na sua imobiliária? Se tiver alguma dúvida, entre em contato com os nossos especialistas no assunto!

Deixe uma resposta