O que é fraude de cartão de crédito?

O varejo enfrenta diariamente inúmeros desafios, e a fraude de cartão de crédito é mais um obstáculo a ser superado. Isso porque o uso dessa modalidade de pagamento está em ascensão, mas ainda há muito que evoluir no quesito segurança.

Um estudo do Banco Central do Brasil, intitulado “O brasileiro e sua relação com o dinheiro”, descobriu que 42,6% da população preferem usar o cartão de crédito para compras acima de R$500,00 e que 74,1% dos estabelecimentos comerciais já se adequaram a essa realidade.

Os números revelam uma mudança no comportamento do consumidor, mostrando que as empresas devem proteger-se das temidas fraudes. Continue com a leitura e saiba mais sobre o tema!

Saiba o que é fraude de cartão de crédito

A fraude de cartão de crédito é um dos riscos da atividade empresarial e pode ser resumida como a prática de operações ilegais no uso dessa modalidade de pagamento com o objetivo de lesar o negócio e, em alguns casos, o consumidor de boa-fé.

As fraudes são, em sua essência, uma maneira de induzir alguém a erro. Os criminosos apostam em diferentes estratégias e estão cada vez mais especializados, atacando tanto nas lojas virtuais como no meio físico.

Confira, a seguir, os principais tipos de fraude de cartão de crédito!

Troca de máquina

Essa é uma das principais fraudes envolvendo o cartão de crédito. O modo de agir dos fraudadores é rápido, e, muitas vezes, o problema só é descoberto muito tempo depois.

Como ela acontece? O criminoso entra no estabelecimento comercial e se aproveita da distração do funcionário para fazer a troca da máquina de cartão por outra semelhante, porém com informações bancárias de outra pessoa. Dessa maneira, todas as vendas realizadas são creditadas em uma conta diferente, gerando grandes prejuízos.

Cancelamento de venda

O cancelamento de venda é bastante comum em empresas que vendem produtos de alto valor. É importante destacar que essa fraude, em geral, tem a participação de algum funcionário da empresa, o que exige ainda mais atenção dos gestores.

Na prática, o cliente faz uma compra no cartão, a nota fiscal é emitida, e ele retira a mercadoria. No entanto, o funcionário cancela a compra no mesmo instante ou pouco depois.

Muitas empresas ainda não fazem a conciliação de cartões diariamente e, por isso, só descobrem a inconsistência financeira no fim do mês.

Compactuação com taxa maior

Esse tipo de fraude acontece em razão da falta de conhecimento do empresário sobre as taxas e tarifas praticadas e, também, tem a participação de um funcionário, normalmente do setor financeiro e com poder de decisão.

O que acontece é que o funcionário de má-fé compactua com valores abusivos com o fornecedor da máquina. Como o varejista não conhece as taxas, acredita que está fazendo um bom negócio.

Troca do número lógico

Essa é uma fraude que atinge empresas que utilizam um sistema TEF (Transferência Eletrônica de Fundos). O número lógico é um código que identifica o estabelecimento comercial e faz com que o crédito referente às vendas caia na conta da empresa.

No entanto, um funcionário com acesso ao setor financeiro faz a troca do número lógico e desvia os valores para outra conta. Lembramos que a conciliação de cartões evitaria esse golpe.

Cobrança indevida de taxas

Esse é mais um caso em que a falta de conhecimento do varejista pode transformá-lo em uma vítima. Quando não domina o acordo feito com a adquirente e não tem o contrato em mãos, ele pode cair em uma fraude muito comum: a cobrança indevida de taxas.

Nesse caso, é possível que a empresa esteja pagando taxas por um serviço que não contratou, como a modalidade de parcelamento, o aluguel da máquina e até a taxa de conectividade.

Veja como manter seu negócio livre das fraudes de cartão de crédito

As fraudes são uma verdadeira dor de cabeça para os gestores e empresários. Mas existem maneiras estratégicas de conceder crédito sem expor o seu negócio e evitar os prejuízos derivados dessas situações. Confira!

Use a tecnologia a seu favor

Mesmo com a complexidade das fraudes de cartão de crédito, a tecnologia tem evoluído bastante e deve ser a grande aliada de sua empresa na luta contra a ação desses criminosos.

Um dos recursos mais interessantes é a ferramenta de conciliação bancária, que automatiza a conferência dos dados e facilita a identificação de operações fraudulentas. Além dela, é interessante investir em um sistema de atualização da sua base de dados, que mantém as informações sobre os clientes sempre atualizadas e completas.

Escolha bem a empresa de cartão

Outra prática que contribui para a redução dessas ocorrências é a escolha de uma empresa de cartão que emita alertas sempre que uma transação suspeita é identificada.

Vale a pena destacar que contar com parceiro sério, de credibilidade e empenhado em contribuir para a eliminação desses problemas é muito importante, não apenas para as finanças de sua empresa, mas para a segurança de seus clientes.

Verifique as transações online com frequência

A internet mudou a forma de comprar do consumidor contemporâneo, mas abriu espaço para a proliferação das fraudes. A média de transações fraudulentas é de 3,6 por minuto, o que mostra a importância de acompanhar de perto essas vendas.

O ideal é que as operações sejam conferidas com certa frequência, de preferência uma vez por dia. Dessa maneira, você conseguirá detectar situações que gerem risco às suas finanças.

Fique atento ao fluxo de caixa diário

Uma das estratégias que ajuda a prevenir as fraudes de cartão de crédito é o acompanhamento diário do fluxo de caixa da empresa. Afinal, quanto mais rápido você descobrir o problema, menor será o prejuízo.

Além disso, a conferência diária inibe que funcionários tentem fraudar os dados financeiros do negócio. O monitoramento eficiente dificulta a vida de pessoas mal-intencionadas, não é mesmo?

Não deixe de fazer a análise de crédito

Por fim, a dica de ouro: jamais deixe de fazer análise de crédito. Muitas empresas ignoram essa prática em vendas com o cartão de crédito, mas a verdade é que a simples e rápida conferência de algumas informações sobre o cliente poderia evitar muitos transtornos.

Por isso, qualifique melhor sua análise de crédito e esforce-se para que ela seja rápida, discreta, segura e muito eficiente. Prevenir nunca é demais!

A fraude de cartão de crédito é um grande gargalo para o crescimento das empresas. Com o aumento do uso dessa modalidade de pagamento, o desafio se torna ainda maior. No entanto, as dicas apresentadas são eficazes e podem ajudá-lo a manter seu negócio longe desse problema. Portanto, não perca mais tempo e comece a agir com mais estratégia.

Aprenda a fazer análises de crédito seguras!

Conforme pôde ser visto, uma boa análise de crédito pode prevenir fraude de cartão de crédito. Sua empresa está com dificuldades para avaliar e conferir informações sobre os clientes? Clique aqui e descubra como fazer uma análise de crédito segura e eficiente!

Deixe uma resposta