Lidar com atrasos de pagamento não é tarefa fácil. O cliente inadimplente, considerado aquele fica em débito com suas parcelas, independentemente do prazo que tenha decorrido do vencimento, têm diferentes perfis e formas de negociar. 

Para reverter a situação de endividamento, presente em 64,7% das famílias brasileiras, de acordo com a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), algumas estratégias são fundamentais. Afinal, uma abordagem bem estruturada pode ser o diferencial para recuperar os valores em aberto.

Com o intuito de ajudar a reduzir o número de inadimplentes na sua empresa, vamos indicar soluções possíveis, assim como as melhores ferramentas relacionadas à análise de crédito e localização de devedores. Quer saber mais? Continue a leitura deste artigo! 

Como fazer a gestão dos clientes inadimplentes?

Ter um quadro de clientes inadimplentes é algo que toda empresa precisa lidar. Porém, otimizar essa identificação pode fazer a diferença, afinal, quanto mais eficaz a localização desse perfil, mais rápido será para buscar a melhor estratégia de cobrança e reversão do quadro. 

Por isso, ter um sistema de gestão de assinaturas, que possa automatizar e informar qual é a situação de atrasos de pagamento, torna-se fundamental. 

O outro ponto extremamente relevante é contar com uma régua de cobrança bem delineada. É ela quem vai definir os prazos, assim como as ações, nas operações relacionadas à cobrança. 

Ou seja, é através de estratégias pontuais e específicas que se pode delimitar os métodos de cobrança de inadimplentes, por exemplo quando enviar um e-mail, realizar uma ligação ou outras formas de contato para recuperar os devidos valores. 

Vale lembrar que as formas de contato também precisam de um script de cobrança elaborado, com um passo a passo sobre a melhor forma de abordagem e de como conduzir esse diálogo. 

Como lidar com clientes inadimplentes?

Ao adotar um sistema que automatize o controle do índice de inadimplência na sua empresa, assim como ter uma régua de cobrança bem delineada, é importante que esses números e percentuais sejam acompanhados diariamente. 

Afinal, a tecnologia ajuda a monitorar a situação, mas é a equipe de cobrança que será a responsável por conduzir a melhor forma de abordagem. Por isso, é fundamental que essa conduta tenha os seguintes aspectos: 

#1 Abordagem inteligente

Antes de qualquer estratégia ou mensagem de cobrança para clientes, é importante lembrar a orientação presente no Código de Defesa do Consumidor. O artigo 42 deixa claro que “na cobrança de débitos, o consumidor inadimplente não será exposto a ridículo nem será submetido a qualquer tipo de constrangimento ou ameaça”.

Portanto, analise com cuidado se as formas de contato não correm o risco de serem interpretadas dessa maneira. Ter uma abordagem amigável, e ao mesmo tempo respeitosa, é a postura mais indicada. 

Afinal, se o cliente notar que quem está conversando com ele tem a verdadeira intenção de solucionar o caso de inadimplência, buscando entender e sugerir a melhor resolutiva para ambas as partes, as chances de reverter o caso são muito maiores.  

#2 Formas de cobrança 

Sabendo a maneira que a conversa deve acontecer na hora de lidar com clientes inadimplentes, é essencial visualizar qual o meio mais adequado para entrar em contato. 

Por exemplo, talvez a ligação não seja o melhor caminho para uma conversa e, por isso, o setor de recuperação de crédito deve estar preparado para saber como cobrar um cliente por Whatsapp. 

Por isso, é tão importante que, ao realizar o cadastro do cliente, tenha essas informações disponíveis em seu histórico, sobre qual o melhor horário para contato, se a comunicação funciona melhor por e-mail, telefone ou aplicativo de mensagens. 

Vale lembrar: uma ligação telefônica pode ser um caminho mais rápido do que o envio de mensagem por Whatsapp. No entanto, o cliente inadimplente pode se sentir constrangido em interagir com aquela forma de conversa – afinal, outras pessoas podem estar próximas e ouvirem o diálogo – e o resultado pode ser desastroso, sem a interação esperada e sem a recuperação de valores em aberto. 

#3 Canais alternativos para negociação 

É importante manter disponíveis canais que o cliente inadimplente possa buscar para solucionar a situação. Portanto, em uma pré-cobrança, por exemplo, é necessário reforçar os caminhos possíveis e ferramentas que o cliente pode buscar caso tenha que lidar com atrasos. 

E-mail, SMS, ligação telefônica e envio de mensagens Whatsapp, assim como um canal específico para negociação no site da empresa são algumas das possibilidades para atender quem deseja resolver pendências financeiras. 

Afinal, ter opções que estão disponíveis para receber comunicados e avisos fora do horário comercial é mais um atrativo para quem não consegue dar retornos em períodos específicos. 

#4 Benefícios para pagamentos em dia

Para evitar clientes inadimplentes, uma das estratégias é oferecer vantagens para aqueles que pagam em dia. As formas de interagir e oferecer benefícios podem ser: o oferecimento de percentuais de desconto na parcela, pontuação para troca de brindes, valores reduzidos de produtos em uma próxima compra ou aumento do limite para uma próxima solicitação de crédito. 

O importante é deixar claro que honrar o compromisso do pagamento em dia representa: 

  • o cumprimento do acordo estabelecido na contratação do crédito;
  • a satisfação da empresa em contar com um bom pagador;
  • ter vantagens e diferenciais por honrar a dívida. 

#5 Formas de pagamento 

Ter propostas alternativas para a realização do pagamento, sem condições abusivas de juros, é uma das opções para reverter casos de inadimplência. Se o consumidor se sentir lesado, mesmo na condição de devedor, ele não terá interesse em solucionar a situação.

Portanto, antes de entrar em contato com o cliente, é preciso ter muito claro quais as condições possíveis para quitar o débito e o quão flexível a empresa está sendo para resolver a pendência. 

Também é importante ter facilidades para envio do boleto. Com a presença cada vez maior da internet no cotidiano, o envio de correspondência por Sedex ou outros recursos de postagem pode se tornar muito demorado. Por isso, é importante estar disponível para enviar o código da fatura por SMS, e-mail, whatsapp ou até mesmo deixar um link disponível para download. 

A importância da política de cobrança 

Para que o setor responsável por reverter o quadro de inadimplentes esteja alinhado com todas as diretrizes da empresa, buscando as melhores soluções dentro dos propósitos e objetivos da organização, é fundamental ter muito claro qual a política de cobrança que está sendo praticada. 

É através dela que serão seguidos os parâmetros para organizar e realizar o contato com clientes inadimplentes. Portanto, caso a política de cobrança da sua empresa não tenha sido revisada há muito tempo, estando obsoleta, é hora de rever o conteúdo e adequar novas diretrizes. 

Quer saber mais sobre como recuperar valores? 

Tem um guia completo esperando por você! Saiba como estabelecer prioridades de cobrança e quais os caminhos viáveis para reverter os casos de inadimplência: clique aqui e baixe o conteúdo exclusivo!

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar