Você sabe o que é pré-cobrança? Um gestor eficiente entende que todos os desafios podem ser vencidos. Por isso, com as ferramentas e técnicas adequadas, é possível superar a inadimplência e garantir o bom funcionamento do negócio.

Se você acredita que o processo de cobrança só começa depois que o consumidor atrasa o pagamento de uma parcela, é hora de repensar suas estratégias. Ele pode começar antes disso e, neste artigo, você aprenderá como isso pode ser vantajoso.

Quer saber mais sobre o tema? Continue a leitura!

Qual o segredo para uma cobrança de sucesso?

Manter as contas em dia é um desafio para muitos brasileiros. Segundo dados da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), 60,1% das famílias brasileiras têm algum tipo de dívida.

Os números revelam um grande desafio para as empresas contemporâneas: evitar que o cliente transforme-se em um devedor. Mas você sabe como fazer isso?

A resposta pode estar em um processo de cobrança eficiente, o que só é alcançado por meio de um bom planejamento. Em outras palavras, para combater um problema complexo e com diferentes causas, é necessário agir preventivamente e apostar no monitoramento da dívida.

Uma cobrança de sucesso é aquela que é baseada em diferentes estratégias e age em fases distintas. Ela deve se preocupar ao máximo com a prevenção da dívida e, caso o problema venha a existir, se basear em uma negociação ágil, responsável e flexível.

O que é pré-cobrança?

A pré-cobrança é uma ação preventiva, pois começa antes do vencimento da fatura. Por meio de um planejamento bem definido, o gestor monta uma régua de cobranças e realiza o primeiro contato antes da data prevista para o vencimento.

A ideia é consultar, instruir, sanar dúvidas e oferecer suporte ao indivíduo para que ele não deixe de pagar sua parcela. Para isso, deve-se levar em consideração o perfil do cliente, pois isso vai ajudar você a definir o melhor método de abordagem e o canal mais indicado.

O objetivo desse contato é lembrar o consumidor sobre o vencimento e descobrir se há (ou não) a intenção de pagá-la. Ele pode ser executado por telefone, e-mail ou SMS e deve ter o cuidado de não constranger ou ser inconveniente.

Quais as vantagens dessa estratégia?

Não esperar que a dívida seja constituída para iniciar o processo de cobrança é uma decisão importante e pode trazer inúmeros benefícios para a sua empresa.

A inadimplência tem um efeito devastador para as finanças do negócio e um bom gestor não deve abrir mão de ações que sejam eficazes em controlá-la. Porém, caso ainda esteja avaliando a possibilidade de implementar a pré-cobrança, conhecer suas vantagens pode ajudar você a se decidir. Confira!

Minimiza as chances de inadimplência

Uma das principais vantagens da pré-cobrança é a redução da inadimplência. Ao entrar em contato de maneira antecipada com o cliente, você evita que ele atrase o pagamento por simples esquecimento, por exemplo.

Como você sabe, existem inúmeros motivos para a inadimplência e, em alguns casos, o problema pode ser a perda do boleto ou uma confusão em relação à data. A cobrança antecipada pode eliminar esses problemas.

Melhora o controle de contas a receber

O funcionamento de uma empresa é financiado pelo fruto de suas vendas. Por esse motivo, não basta vender bem, é fundamental que os valores se transformem em receitas reais.

A pré-cobrança é uma estratégia que dá ao gestor uma visão mais precisa sobre os ganhos futuros, o que é essencial para o planejamento empresarial. Ao trabalhar com uma previsão sobre os pagamentos e possíveis atrasos, é mais fácil prever o problema e pensar no melhor método de intervenção.

Equilibra o fluxo de caixa

O fluxo de caixa da empresa é composto por despesas e receitas. Sempre que um produto é vendido a prazo, é como se o negócio estivesse financiando uma quantia para alguém. Mas, para continuar operando com eficiência e qualidade, é fundamental que as despesas não superem as receitas.

A pré-cobrança é um método que ajuda a elevar as receitas empresariais e, assim, garante a sua continuidade. Além disso, ela atua no equilíbrio do fluxo de caixa, impedindo que as dívidas cresçam em uma proporção insustentável.

Melhora a comunicação com o cliente

Seja qual for o canal de acionamento escolhido, é fato que a pré-cobrança melhora a comunicação com o público. Isso porque essa é mais uma oportunidade para ouvir dúvidas, sugestões e estreitar os laços de confiança.

Em uma rápida ligação, por exemplo, o cliente pode informar que não conseguirá pagar a dívida na data acordada. Essa é uma informação muito útil e permite que a empresa se planeje melhor.

Melhora o clima organizacional

Ainda que de forma indireta, investir na pré-cobrança melhora o clima organizacional da empresa. Cobrar não é uma tarefa fácil e, além de desencadear o cometimento de diversos erros, pode gerar estresse e ansiedade nos colaboradores.

Por outro lado, com um planejamento eficaz em andamento, a equipe inicia a comunicação antes de o problema existir, conseguindo criar um laço de confiança e empatia com o cliente. Isso simplifica a cobrança e torna o trabalho mais motivador e saudável.

Amplia as soluções de negociação

Por fim, é interessante observar que a estratégia amplia as soluções de negociação, visto que oferece mais opções para que o consumidor quite a parcela sem atrasos ou dentro de suas condições.

Quer um exemplo? Imagine que o cliente informou que seu salário atrasou e que, por isso, só conseguirá pagar a dívida na semana seguinte. Com essa informação em mãos, o atendente pode emitir um novo boleto para a data escolhida e registrar o dado no sistema. Com isso, a empresa pode se planejar e o consumidor não é prejudicado — o que contribui para a sua satisfação.

Aprendeu o que é pré-cobrança? Acha que ela pode ser implementada em sua empresa? Conforme visto, os benefícios são expressivos e demonstram que a estratégia é uma das mais eficazes para o combate à inadimplência. Elabore o seu plano de ação e mãos à obra!

Supere a inadimplência em sua empresa!

Sua empresa tem muitos devedores? Clique aqui e confira o nosso guia completo da inadimplência! Você poderá entender como ela afeta seu negócio, os motivos para que as pessoas se endividem e ainda aprender como superá-la.

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar