Régua de cobrança: como utilizá-la?

Automatizar um serviço que anteriormente, era feito por uma pessoa pode ser um recurso que te traga baixa nos seus custos mensais e alta na sua produtividade e resultado. Nos dias de hoje já existem diversas ferramentas que entregam soluções que não dependem da atividade humana durante todo o momento. Para assessorias de cobrança, esse tipo de tecnologia ainda não está muito bem definida, mas com uma boa gestão você consegue implantar uma régua de cobrança.

O termo pode parecer diferente no começo, mas saiba que esta ferramenta vem trazendo grandes resultados para as assessorias de cobrança. Baseada em periodicidade e canal, à régua de relacionamento funciona como uma inteligência para que as empresas de recuperação de crédito consigam atingir cada vez mais clientes com dívida ativa. Já temos ferramentas que automatizam essa régua, porém você consegue iniciar o seu trabalho apenas com a metodologia e começar a sentir melhor como são os resultados que uma ferramenta automatizada pode te dar.

O que é uma régua de cobrança?

Uma régua de cobrança é uma metodologia inventada para otimizar os processos de cobrança, alavancar os resultados e devolver o crédito para o cliente devedor de forma rápida e ágil. Ela funciona como uma metodologia onde você define a periodicidade e o canal em que o cliente será abordado.

O passo-a-passo da régua de cobrança pode ser definido de acordo com o perfil do cliente, se ele é um bom-pagador e receptível com abordagens ou algum consumidor que é difícil entrar em contato. O perfil do cliente também pode ser um fator de decisão para se estipular quais serão os canais de abordagem e em que ordem eles estarão.

Lembre-se: atualmente, no mercado, há diversos tipos de tecnologias que podem ser utilizadas e que vão te ajudar a reduzir custos, além de trazer resultados acima do esperado. O SMS e e-mail marketing são algumas das ferramentas que estão sendo utilizadas e têm trazido números expressivos para as empresas, tudo isso devido a sua alta taxa de entrega.

Os processos essenciais de uma régua de cobrança

Quando falamos de uma régua de cobrança onde o cliente será abordado em diversos momentos e por diferentes canais, há três tipos de processos que uma assessoria de cobrança deve seguir para ter efetividade no trabalho. Veja:

Automatize

O não pagamento de uma conta não quer dizer que foi intencional e que o cliente não quer pagar, muitas vezes ela passou despercebida ou o consumidor esqueceu que ela existia. Outro ponto bastante comum na falta de pagamento é a falta de notificação de uma conta que está para vencer – por mais que soe óbvio que o cliente tem que estar responsável perante ao compromisso, nós sabemos que com a nossa rotina essas informações passam despercebido.

Então, lembre-se de ter um sistema automatizado que irá emitir comunicados periódicos para que o cliente não se esqueça de pagar determinada conta. Esse tipo de serviço – lembrar o consumidor 10 dias antes que a fatura está para vencer – vem potencializando as possibilidade de efetivação do pagamento e fazendo com que à sua equipe de cobrança seja poupada de cobrar.

Canais de abordagem

Nós temos diversos canais de abordagem e todos eles contam com à sua taxa de efetividade, porém o e-mail tem sido um dos canais principais para se abordar um cliente. Ele serve para lembretes de vencimento, alertas de que a próxima fatura está para chegar, além de ser o canal de comunicação com o cliente.

Além do e-mail, temos SMS, ligações e cartas de cobrança. E todas elas estão incluídas em uma régua de cobrança, porém você precisa definir as prioridades em que elas serão usadas. SMS é a mais econômica, carta cobrança conta com um gasto mediano, enquanto ligações ativas são responsáveis pelo maior gasto das assessorias de cobrança.

Telefonemas fazem parte da maneira mais dinâmica de uma régua de cobrança, porém a sua utilização deve estar restrita à clientes estratégicos onde o nível de chance de pagamento seja alto. Essa estratégia é uma das mais caras para a empresa, mas que gera mais resultados, pois o colaborador pode incentivar o cliente a pagar com diversos tipos de ofertas, descontos e outros.

Frequência

Esta parte do processo é uma das mais importantes e é fundamental para que o seu cliente sinta-se confortável para sanar a dívida. A periodicidade em que a régua irá funcionar está completamente ligada aos tipos de canais de abordagem que serão utilizados, pois dependendo do perfil do cliente você precisará colocar diversas abordagens por telefone e só depois entrar em contato por e-mail ou vice-versa.

Porém, lembrem-se: a sua frequência de contato com o cliente diz muito sobre a urgência e importância da dívida que está em atividade.

Incentive o cliente

Agora que você já sabe como uma régua de cobrança funciona e o que ela pode fazer para à sua assessoria de cobrança, há alguns pontos que são mais humanos e que também trabalham de forma positiva para você alcançar os seus resultados. Você deve incentivar o seu cliente a ver além do valor que foi proposto inicialmente.

Faça com ele visualize que o pagamento da dívida trará diversos benefícios para ele, tais como: limpar o nome, ter novas ofertas de crédito e recuperar a sua saúde financeira. Incentive também a quitar a dívida à vista e oferece boas condições para que ele se sinta confortável com isso.

Cobrança é algo delicado e que causa um sentimento de desconforto nos clientes, então tenha em mente que um atendimento humanizado faz com que o consumidor se sinta envolvido com a negociação, fazendo com que os resultados para a assessoria de cobrança sejam maiores ainda.

ebook planejamento estrategico de cobranca

Deixe uma resposta